Destaques SBOT

>>Projeto Consensos: um avanço para valorização do ortopedista

Projeto Consensos: um avanço para valorização do ortopedista

By |2019-04-24T15:22:33-03:0018/04/2019|Destaques SBOT|

Iniciado neste ano, o Projeto Consensos em Ortopedia e Traumatologia é uma das principais frentes de trabalho da gestão 2019, presidida por Moisés Cohen. Coordenado pela SBOT em parceria com a Fundação Cochrane, o projeto prevê a elaboração de 100 consensos em Ortopedia baseados em perguntas clínicas estruturadas de temas relevantes da especialidade, abrangendo as condutas mais comuns. Para João Carlos Belloti, coordenador da Comissão na SBOT, a criação desses consensos garantirá segurança e autonomia ao ortopedista para utilizar os melhores recursos terapêuticos disponíveis e cientificamente avaliados. “Além dos ortopedistas, clínicos gerais e o próprio poder judiciário serão beneficiados, que, inclusive, estão participando com envio de perguntas” explica.

Nesse momento do projeto, estão sendo respondidas as questões elaboradas pelos comitês e a próxima fase prevê o parecer dos especialistas.

Acompanhe:

Junho: busca sistematizada da literatura e respostas aos PICOS.

Julho: envio das respostas e literatura para parecer dos comitês de especialidade.

Agosto:
revisão das respostas segundo considerações dos comitês.

Setembro:
conferência final dos consensos.

Outubro:
elaboração do Documento Final com colaboração da Fundação Cochrane.

Novembro:
divulgação do Projeto Consensos no congresso da SBOT.

O Prof. Dr. Álvaro Atallah, diretor do Centro Cochrane do Brasil, acredita que o Projeto Consensos é um ânimo para a Medicina brasileira. “Criamos um patamar estruturado de tomadas de decisões baseadas em evidências e a utilidade disso será muito grande. Vamos ajudar o médico e, consequentemente, a saúde brasileira e a sua eficiência”.

Destaques da SBOT